Search
quarta-feira 18 outubro 2017
  • :
  • :

Projeto Maré alta em Ubatuba promove oficinas sobre comunidade orgânica

Oficinas para a construção de uma Comunidade Orgânica são a nova atividade oferecida a participantes do Projeto Maré Alta no bairro de Cambury, em Ubatuba. O Projeto Maré Alta tem apoio do Instituto Arcor Brasil, como parte da nova edição do Fundo Comunidade em Rede.
A comunidade de Cambury é formada basicamente por pescadores e caiçaras. Lugar de difícil acesso e comunicação, seus moradores têm hábitos tradicionais, rica cultura e uma vida de contato estreito com a natureza. Todas as manhãs, os pescadores saem para o mar em busca dos peixes utilizados na alimentação e eventual comercialização.
As oficinas para a construção de uma Comunidade Orgânica no bairro serão coordenadas pela bióloga Jane Fernandes, que tem formação em Nutrição e Dietética. Durante anos ela trabalhou no Projeto Tamar em Ubatuba e atuou na primeira fase do Projeto Maré Alta, como consultora das oficinas de costura criativa.
O objetivo das oficinas, segundo Jane Fernandes, será contribuir para a modificação da relação dos moradores com os alimentos, de modo a evitar desperdícios, cuidar do meio ambiente e exercer o consumo consciente e a geração de renda.
“Não serão oficinas de culinária, de elaboração de receitas, mas algo mais amplo. O propósito é que as participantes cuidem de todo o ciclo envolvido, desde o plantio e a colheita até a destinação final, evitando-se o descarte inadequado de resíduos”, diz a bióloga.
O Fundo Comunidade em Rede visa fortalecer as organizações de base parceiras e contribuir para a construção de projetos territoriais coletivos.
A iniciativa resulta da parceria entre a Inter American Foundation (IAF), dos Estados Unidos, e seis membros do Bloco Brasil da RedEAmérica, inclusive o Instituto Arcor Brasil, gestor financeiro do Fundo.