Search
sexta-feira 19 Janeiro 2018
  • :
  • :

Vexame mundial

O governo federal, através da portaria do trabalho escravo, está fazendo o Brasil passar vexame mundial. Tanto que a OIT- Organização Internacional do Trabalho- está estudando submeter seu texto a um comitê de peritos. É voz corrente no Brasil e lá fora, que com a mudança na legislação, o país está sendo empurrado de novo para a época da Lei Aurea, justo o Brasil que nos últimos 15 anos, foi referência nisto.
Temer nem deveria tentar legislar sobre o tema por portaria- deveria ser por lei, teria que fazer o projeto e submetê-lo à sociedade, onde certamente não passaria. A pressa de Temer em editá-la veio de sua necessidade de agradar empresariados descompromissados com avanços sociais, que só pensam no lucro, e que poderiam dar alguns votos por sua permanência no mandato.
O nó da portaria está em que ela dificulta a fiscalização do trabalho escravo e ainda esvazia a “lista suja”, da qual constam os infratores flagrados no cometimento do trabalho escravo.
Agora, os nomes dos patrões do trabalho escravo só vão para a lista SE o ministro do Trabalho assim o permitir. E se até então a fiscalização era feita por uma Divisão Especial (a Detrae), agora será feita por uma área ligada diretamente ao ministro, a SIT- Secretaria de Inspeção do Trabalho).
Por isso também, a imprensa mundial, que sabe mais do Brasil do que os brasileiros, está perguntando como é que a gente aguenta este governo.

 

Por Iára de CarvalhoJornalista