Search
domingo 20 agosto 2017
  • :
  • :

Casal de ave rara é registrado em floresta da Fibria na região do Vale do Paraíba

A presença de aves atesta a qualidade do manejo florestal da empresa que contribui para a conservação da biodiversidade e o equilíbrio ambiental
A Fibria, empresa brasileira líder mundial na produção de celulose de eucalipto, a partir de florestas plantadas, identificou em uma de suas florestas, em Guararema, um casal de ave de espécie rara. O Bicudinho-do-brejo-paulista (Formicivora paludicola), que está ameaçado de extinção, de acordo com órgãos ambientais, foi avistado por profissionais da empresa na fazenda Putim.
Na plataforma de pesquisa WikiAves (www.wikiaves.com), que é o maior banco de dados sobre aves do Brasil, a espécie é descrita como uma das descobertas mais interessantes e recentes da ornitologia, ramo da zoologia que estuda as aves. O primeiro aparecimento dela foi registrado em 2004, mas a espécie só entrou para lista oficial de aves brasileiras em 2015.
O avistamento evidencia as boas condições em que se encontram as áreas florestais da Fibria, na região. Em oito anos, foram registradas 432 espécies de aves nas florestas plantadas da Fibria, por meio dos monitoramentos realizados por consultorias especializadas. O resultado reforça que o manejo sustentável, realizado pela empresa, contribui para a conservação da biodiversidade e o equilíbrio do meio ambiente, na região.