Search
domingo 24 setembro 2017
  • :
  • :

Zoo urbano no Tamar Ubatuba

Na quinta-feira, dia 6, o TAMAR Ubatuba recebeu uma grande escultura de tartaruga marinha construída a partir de materiais descartados. A obra de arte faz parte do Projeto “Zoo Urbano – Sustentabilidade com Arte”, que surgiu com artistas de todas as partes do mundo unindo-se para confeccionar esculturas gigantes com resíduos dispensados em grandes cidades. Em 2016, o Zoo Urbano realizou 2 exposições em espaços públicos: o ZOO Urbano Miami e o ZOO Urbano SP no Parque do Ibirapuera, que recebeu cerca de 1.200.000 visitantes.
Cada exposição envolveu artistas locais, internacionais e curadores diferentes, com engajamento e união de esforços em prol de uma conscientização coletiva. Com a proposta de usar resíduos produzidos nas cidades, obteve-se a união entre comunidade, arte e sustentabilidade.
Ameaças às tartarugas marinhas – Para homenagear a conservação das tartarugas marinhas e o trabalho que o TAMAR realiza com o patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, para proteger esses quelônios no Brasil, além de chamar a atenção para as ameaças à vida desses animais, o artista Fábio Souza criou a escultura de tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta) com a carcaça de um fusca, e conta o porquê da escolha deste material. “Uma das principais causas de morte das tartarugas é a ingestão de resíduos que vão para o mar, e tem muitas carcaças abandonadas de fusca por aí, além de ser inegavelmente parecido com uma tartaruga. Com o apoio do Projeto TAMAR reuni todas as informações sobre as espécies e após transformar o fusca em uma tartaruga fiz o seu casco e partes de seu corpo com os materiais que as matam, como se estes já fizessem parte dela. Uma visão de como estamos tratando a natureza mesmo sabendo que os materiais que descartamos podem matá-las”, explicou o artista.
Fábio Souza é produtor de eventos, músico e artista visual. Pesquisador de materiais, ele consegue integrar pneus, fibras e armações, criando o inimaginável. Nos últimos anos, seus projetos e desempenho podem ser vistos em toda São Paulo.
Quando perguntado sobre qual a intenção de expor sua obra no Projeto TAMAR de Ubatuba, Souza ressaltou que “o TAMAR é sem dúvida a entidade mais respeitável e generosa que conhecemos. Desde a concepção da obra, a equipe nos forneceu informações, consultoria e todos nos receberam de braços abertos. Acho que nossos objetivos são os mesmos: educação para mudança. Desejo sinceramente que essa escultura agregue valor ao TAMAR Ubatuba, que auxilie na geração de consciência ambiental e sobre a degradação do planeta”.
Você, sua família e amigos estão convidados a descobrir e apreciar esta obra cheia de significados, que valoriza e enriquece o trabalho de sensibilização e educação ambiental realizado pelo TAMAR.
O Projeto TAMAR começou nos anos 80 a proteger as tartarugas marinhas no Brasil. Com o patrocínio da Petrobras, por meio do programa Petrobras Socioambiental, hoje o projeto é a soma de esforços entre a Fundação Pró-TAMAR e o Centro Tamar/ICMBio. Trabalha na pesquisa, proteção e manejo das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, todas ameaçadas de extinção: tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta), tartaruga-de-pente (Eretmochelys imbricata), tartaruga-verde (Chelonia mydas), tartaruga-oliva (Lepidochelys olivacea) e tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea). Protege cerca de 1.100 quilômetros de praias e está presente em 25 localidades, em áreas de alimentação, desova, crescimento e descanso das tartarugas marinhas, no litoral e ilhas oceânicas dos estados da Bahia, Sergipe, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina. Em Ubatuba, recebe o apoio da Prefeitura Municipal e da Arcor do Brasil. Visite www.tamar.org.br

SERVIÇO

Tartaruga-cabeçuda gigante para visitação: obra do artista Fábio Souza
Projeto TAMAR | Ubatuba
Endereço: Rua Antonio Athanásio, 273 – Itaguá, Ubatuba
Tel: (12) 3832-6202 / 7014 / 4046
E-mail: tamaruba@tamar.org.br

Horários de Funcionamento:

Durante férias escolares (dezembro a fevereiro e julho): todos os dias das 10 às 20 horas.
Durante o período letivo: Domingo, 2ª, 3ª e 5ª feiras das 10 às 18 horas;
Feriados, 6ª feira e sábado, das 10 às 20 horas;
4ª feira fechado para manutenção durante período letivo.
Bilheteria (válidos até junho de 2017):

Inteira: R$ 18,00.
Meia entrada (crianças e jovens até 17 anos e estudantes com identificação, professores com identificação).
Gratuito (crianças com menos de 1,20m e pessoas com mais de 60 anos, moradores* de Ubatuba com cadastro prévio – * devem consultar as regras de gratuidade para moradores na bilheteria do Tamar ou por telefone).