Search
sábado 19 agosto 2017
  • :
  • :

Sabesp celebra melhora na água do Rio Paraíba do Sul

com soltura de 6.000 peixes em são José dos Campos

A  Sabesp  realizou  a  soltura  de 6.000 peixes no Córrego do Vidoca,  afluente  do  Rio  Paraíba  do  Sul,  na  sexta-feira, dia 30. A atividade  marca  a  resultado  das  obras  realizadas  pela companhia que contribuíram  para  a melhora da qualidade da água no Rio Paraíba do Sul e seus afluentes.

Desde  2011,  a  concessionária  investiu quase R$ 280 milhões em coleta e tratamento  de  esgoto  no  Vale  do Paraíba. As 15 obras realizadas em 10 municípios  possibilitam  o  tratamento  de quase 182 milhões de litros de
efluentes  por dia. Com isso, a empresa devolve água limpa a diversos rios e  córregos que deságuam no Paraíba do Sul, rio mais importante do Vale do Paraíba e um dos mais relevantes do Brasil.
A  boa  qualidade  da  água  no  corpo hídrico é constatada inclusive pela Cetesb  no relatório Qualidade das Águas Interiores do Estado de São Paulo de 2016. Ao analisar o Índice de Qualidade da Água no Paraíba, o documento
declara que “a qualidade deste rio manteve-se boa ao longo de praticamente toda sua extensão”.
Em  São José dos Campos, sede da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral  Norte,  foi o trabalho da empresa que transformou a cidade na que possui  os  melhores  índices  de saneamento do país entre as consideradas
grandes,  ou seja, com mais de 600 mil habitantes. O marco só foi possível com  a  entrega  da  Estação  de  Tratamento  de  Esgoto  Pararangaba, que universalizou  o  saneamento no município no ano passado. O empreendimento teve  investimento de R$ 44 milhões e trata quase 35 milhões de litros por dia.
O  evento  contou  com  a  participação  de 35 alunos da rede municipal de ensino.  Os  estudantes  soltaram peixes das espécies nativas Curimbatá de Lagoa  (Prochilodus  vimboides),  Piabanha  (Brycon  insigni) e Surubim do
Paúba  (Steindachneridion  parahybae).  A  participação  das crianças visa estimular  a conscientização a respeito dos cuidados com o meio ambiente e a  valorização  do  rio  mais  importante  da região. Além dos estudantes,
participaram  autoridades  da  Sabesp,  da  Cetesb, prefeito e membros das secretarias municipais de São José dos Campos.