Search
quarta-feira 26 julho 2017
  • :
  • :

Companhia de Dança inaugura Teatro Municipal de Ubatuba

A São Paulo Companhia de Dança (SPCD), mantida pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, sob direção de Inês Bogéa, participa da cerimônia de abertura do Teatro Municipal de Ubatuba no dia 16 de abril, 20h, com um espetáculo completo composto por três premiadas obras: O Grand Pas de Deux de Dom Quixote, Mamihlapinatapai e Pivô. O ingresso é social e deve ser trocado com antecedência na bilheteria do teatro, entre os dias 10 e 12 de abril, das 14 às 17 horas (Praça Exaltação à Santa Cruz, n. 22 – Centro – Ubatuba), por um quilo de arroz, feijão ou café, ou um litro de óleo ou, ainda, um pacote de fraldas geriátricas.
“Estamos muitos felizes em participar desse evento de abertura do Teatro Municipal de Ubatuba. Queremos conhecer ainda mais a dança que se faz na cidade e também fortalecer os laços já existentes. A SPCD já participou de atividades na Fundart e foi excelente”, fala Inês Bogéa, diretora artística da São Paulo Companhia de Dança.
A abertura do espetáculo da São Paulo Companhia de Dança na noite do dia 16 de abril ficará a cargo da Experimental de Dança de Ubatuba, com direção de Brisa Diamante e Saloly Furtado, com três coreografias. “A cada cidade que nos apresentamos convidamos companhias e grupos locais para estarem conosco. A Experimental é parceria da SPCD tanto nas atividades educativas, quanto nos espetáculos em São Paulo desde a sua fundação. É uma parceria que se firma ainda mais com essa abertura”, revela Inês.
Na sequência a São Paulo Companhia de Dança apresenta três coreografias do seu repertório: O Grand Pas de Deux de Dom Quixote, da SPCD a partir do original de 1869 de Marius Petipa (1818-1910) é o momento do casamento de Kitri e Basílio, personagens principais dessa obra. Coreografado por Marius Petipa, o balé Dom Quixote é baseado num capítulo da famosa obra de Miguel de Cervantes, que narra as aventuras do barbeiro Basílio e seu amor por Kitri, a filha do taberneiro.