Search
sábado 21 outubro 2017
  • :
  • :

Centro Dia do Idoso de Taubaté comemora 1 ano de funcionamento

O Centro Dia do Idoso de Taubaté “Pe. Hugo Bertonazzi” completou 1 ano de funcionamento na última sexta-feira, dia 25 de agosto, com histórias de amizade, resgate da cidadania e melhoria da qualidade de vida.
A unidade atende atualmente 31 idosos semidependentes, com idade igual ou superior a 60 anos, que possuem limitações para a realização das atividades da vida diária e cujas famílias não têm condições de prover estes cuidados durante o dia ou parte dele.
A capacidade de atendimento é de 40 idosos. Para frequentar a unidade, o idoso precisa ter certa autonomia, como se alimentar e ter condições de ir ao banheiro sozinho e ir ao banheiro. A triagem é feita pelo CREAS (Centro de Referência de Assistência Social), com avaliação final da equipe do Centro Dia.
Durante o período de funcionamento, passaram pelo local mais de 50 idosos, sendo registrados 17 desligamentos, causados por casos clínicos agravados ou falecimento. Atualmente, existe uma lista de espera de 88 pessoas.
Máximo Alves de Moura, 89 anos, divorciado, pai de quatro filhos, começou a frequentar o Centro Dia do Idoso em novembro de 2016. Na opinião do mecânico aposentado, que já cuidou de carros de famosos como Jânio Quadros e Castelo Branco e parou de dirigir há menos de um ano, o local é “um paraíso”. Ele elogia o atendimento fisioterapeutico da unidade, fala das amizades feitas e diz que não tem do que reclamar. “Fiz aniversário no dia 18 de agosto. Ganhei um par de alianças. Eu me emocionei muito”, disse Moura.
Terezinha Nunes tem 74 anos e está há oito meses no Centro Dia. Ela conta com orgulho que não precisa mais tomar remédio para pressão. “Antes eu ficava só na cama, dormindo dia e noite. Sou outra pessoa depois que vim para cá”.
Assim como Terezinha, que teve uma melhora no quadro de saúde, há relatos de idosos que estacionaram o quadro de Alzheimer depois que começaram a frequentar o local.
O Centro dia do Idoso funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Uma van passa nas residências para buscar os assistidos, que começam o dia com um café da manhã, aferem a pressão e iniciam as atividades com os oficineiros e com a educadora física. Após o almoço, há uma hora livre para descanso e depois as atividades são retomadas.
A equipe de atendimento do Centro Dia conta com quatro cuidadores, uma técnica de enfermagem, um nutricionista, uma cozinheira, um auxiliar de cozinha, dois ajudantes-gerais, um agente administrativo, um assistente social, uma psicóloga, uma educadora física, duas oficineiras e uma coordenadora de serviço. São realizadas oficinas de culinária, artesanato, estimulação cognitiva, acompanhamento nutricional, atividade física, atividades sócio-culturais, entre outras. As famílias são convidadas a acompanhar o trabalho realizado pela equipe para que saibam da importância das atividades para a melhoria da qualidade de vida do assistido.
O próximo desafio da equipe multidisciplinar é a elaboração de um Plano Individual de Cuidado (PIC), para que se possa trabalhar a singularidade de cada idoso atendido.
O Centro Dia do Idoso está localizado na rua Doutor Benedito Cursino dos Santos, s/n (esquina com a Avenida Prof. Walter Thaumaturgo – Avenida do Povo).