Search
segunda-feira 23 outubro 2017
  • :
  • :

Burrão vence de virada o lanterna em casa

Na noite dessa quarta-feira o Burrão enfrentou a Portuguesa Santista, o time de Santos ocupava a lanterna do Grupo 3, da Copa Paulista.
A partida ocorreu no Joaquinzão, os ingressos foram mais baratos e liberaram a entrada de instrumentos musicais. Compareceram 178 torcedores e renda 1840 reais.
Ambas as equipes precisavam da vitória e o Taubaté começou bem. Carimbou o travessão, aos 16 minutos de bola rolando.
O time da baixada encurtou os espaços no meio de campo.
Rodrigo Soares reclamou de ter sofrido um pênalti não assinalado pelo árbitro.
Os visitantes saíram na frente, numa roubada de bola de Daniel originou um contra-ataque, lançou para Lucas Lino balançar as redes, aos 40 minutos do 1º tempo.
Mesmo acontecendo acréscimos de 3 minutos o time do Vale não conseguiu terminar a etapa inicial com empate.
Na saída de campo os atletas taubateanos começaram a reclamar para o árbitro, devido a penalidade máxima não marcada.
Na etapa complementar o treinador Alexandre Ferreira sacou Cleber e colocou Bruno Sabiá, visando um elenco mais ofensivo.
Jean se esforçou bastante e tocou para Léo Aquino que bateu no ângulo e igualou o placar, aos 15 minutos.
Após o gol o Burro da Central ganhou mais confiança e partiu para cima. Novamente Jean cobrou a falta e Alan Mota cabeceou, fazendo o tento da virada, aos 21 minutos.
Chuck foi substituído por Lucas Grossi e saiu de campo aplaudido pela torcida.
Bruno Sabiá fez uma bela jogada e novamente Léo Aquino concluiu o 3º tento, aos 43 minutos.
Com esta vitória por 3 a 1 o Esporte Clube Taubaté quebrou um jejum de 6 partidas seguidas sem vencer. Foi a primeira vitória do Alvi Azul dentro de casa na Copa Paulista.
Taubaté: Yuri, Jean, Luiz Matheus, Guilherme, Paulo Henrique, Cleber (Bruno Sabiá), Tinga, Rodrigo Soares, Léo Aquino, Alan Mota e Chuck (Lucas Grossi). Treinador: Alexandre Ferreira.

 

Por Rogério Abifadel Haik