Search
sábado 24 Fevereiro 2018
  • :
  • :

Secretaria de Saúde treina profissionais para campanha de vacinação contra Febre Amarela

Secretaria de Saúde treina profissionais para campanha de vacinação contra Febre Amarela

A Secretaria de Saúde de Taubaté iniciou esta semana o planejamento para a campanha de vacinação contra a Febre Amarela com as doses fracionadas, prevista para ocorrer em todo o Estado de São Paulo entre 29 de janeiro e 17 de fevereiro.
A partir da próxima semana deve ocorrer o treinamento de profissionais de saúde que participarão da campanha. Agentes de controle de vetores que atuam no combate ao Aedes aegypti também passarão pelo treinamento para ajudar na tabulação dos dados de pessoas vacinadas. Estudos evidenciam que a vacina fracionada tem eficácia comprovada de pelo menos oito anos. As carteiras de vacinação terão um selo especial para informar que a dose aplicada foi a fracionada.
Com o objetivo de reduzir as filas nas unidades de saúde, a ideia também é envolver técnicos e enfermeiros de grandes indústrias da região para que possam vacinar seus próprios funcionários, bem como militares do Cavex (Comando de Aviação do Exército).
Está prevista, durante a campanha, a manutenção das cinco unidades de referência na zona urbana de Taubaté: UBS Mais Independência, Fazendinha, Mourisco, Gurilândia e Aeroporto. As unidades de ESF (Estratégia de Saúde da Família) localizadas na zona rural de Taubaté também passarão a vacinar nos dias da campanha. Em 3 e 17 de fevereiro, considerados “dias D” da campanha, está prevista a participação de equipes volante em atividades casa a casa na zona rural, considerada prioritária para a vacinação.
Em recomendação à Secretaria de Estado da Saúde, a orientação é que a população colabore e ajude a manter estáveis os estoques de sangue nos hemonúcleos da região. A doação de sangue precisa ocorrer antes. Após vacinação contra febre amarela, é necessário aguardar 30 dias para doar sangue. Se contraiu a doença, deve aguardar 6 meses após recuperação completa.
Desde o início do ano até esta quarta-feira, dia 17 de janeiro, já foram aplicadas 2.700 doses da vacina em Taubaté. Em 2017 foram aplicadas 9.640 doses e em 2016 o número foi de 1.074 doses aplicadas.

Tire suas dúvidas

Já tomei a vacina. Preciso tomar de novo?
– Quem já tomou uma dose da vacina, mesmo se fizer parte dos municípios incluídos na campanha, não precisará se vacinar novamente
Quem precisa receber a dose integral da vacina?
– Crianças com idade entre nove meses e dois anos incompletos, pessoas que viajarão para países com exigência da vacina, grávidas residentes em áreas de risco
Quem precisa consultar o médico antes de tomar a vacina?
– Portadores de HIV positivo, pacientes com tratamento quimioterápico concluído, transplantados, hemofílicos ou pessoas com doenças do sangue e de doença falciforme.
Quem não precisa tomar a vacina?
Não há indicação de imunização para grávidas que morem em locais sem recomendação para vacina, mulheres amamentando crianças com até 6 meses e imunodeprimidos, como pacientes em tratamento quimioterápico, radioterápico ou com corticoides em doses elevadas